a
UPM inaugura segunda musina de celulose no UruguaiForest News | Forestnews

UPM inaugura segunda usina de celulose no Uruguai

A empresa finlandesa UPM inaugurou, nesta terça-feira (6), sua segunda megausina de celulose no Uruguai, o maior investimento na história do país, cujo impacto previsto no PIB nacional chega a 3,4%.

Situada no centro do país, às margens do rio Negro, cerca de 260 quilômetros ao norte de Montevidéu, a UPM Paso de los Toros tem capacidade de produção anual de 2,1 milhões de toneladas de celulose de eucalipto e “é energeticamente eficiente, com impactos ambientais mínimos”, afirmou a empresa em nota.

Além desta nova usina, o investimento total de 3,47 bilhões de dólares inclui um terminal especializado em celulose no porto de Montevidéu, bem como obras de infraestrutura locais.

A UPM disse que, com as operações de plantio de eucaliptos, as usinas de celulose de Paso de los Toros e Fray Bentos e a logística relacionada, a cadeia de valor da empresa no Uruguai vai gerar cerca de 7.000 empregos diretos e cerca de 10.000 indiretos.

A primeira megausina da UPM no país, que na época se chamava Botnia, foi instalada em 2007 em Fray Bentos, sobre o rio Uruguai, na divisa com a Argentina.

A Argentina levou o caso à Corte Internacional de Justiça em Haia. Em 2010, o tribunal rejeitou sua demanda de relocalizar a usina alegando que não há provas de que o empreendimento polui e ordenou que ambos os países controlem de forma conjunta o impacto ambiental no rio.

Compartilhe