a
Setor de base florestal pede apoio da CNI para vencer burocracia nas exportaçõesadmin | Forestnews

Escritório para pesquisas sobre madeira engenheirada é inaugurado em Guarapuava

Nesta semana foi inaugurado o escritório do Novo Arranjo de Pesquisa e Inovação (NAPI) no campus da UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná) em Guarapuava (PR).

O projeto conta com a parceria de instituições como a UTFPR, a Prefeitura de Guarapuava, Cilla Tech Park, Universidade Estadual de Londrina (UEL), Universidade Estadual de Maringá (UEM), Universidade Federal do Paraná (UFPR) e Universidade Estadual do Centro-Oeste (Unicentro).

A ideia é transformar o município do Centro-Sul do Paraná em um polo de inovação e produção da madeira engenheirada, em especial, na construção civil.

Ao todo serão investidos mais de R$ 2,6 milhões para o desenvolvimento do projeto, sendo essa verba toda vinculada a Fundação Araucária.

A madeira engenheirada tem sua origem de floresta de manejo, plantadas para fins comerciais e que retiram CO2 da atmosfera. Dessa forma, segundo a proposta, o recurso será mais sustentável e renovável se comparado aos demais materiais como o concreto e o aço.

Outra vantagem é com relação a sua resistência, já que o controle de qualidade desta madeira é maior nas fábricas, além da praticidade de utilizar um material mais leve que facilitará a fase de execução das obras.

Compartilhe