a
Klabin registra EBITDA Ajustado de R$ 6,259 bilhões em 2023admin | Forestnews

Klabin alcança R$ 1,352 bilhão de EBTIDA Ajustado no terceiro trimestre

A Klabin registrou EBITDA Ajustado (Lucro antes dos Juros, Impostos, Taxas, Depreciação e Amortização) de R$ 1,352 bilhão no terceiro trimestre de 2023, aumento de 1% em relação ao trimestre anterior e redução de 41% no comparativo com o mesmo período de 2022.

Se considerados os primeiros nove meses de 2023, o EBITDA Ajustado/t do negócio de papéis e embalagens foi de R$ 1.824 por tonelada, crescimento de 7% em relação ao mesmo período do ano anterior.

O volume total de vendas (excluindo madeira) foi de 967 mil toneladas no terceiro trimestre deste ano, com destaque para o segmento de celulose, que registrou o segundo maior volume de vendas desde o início da operação da Unidade Puma, no Paraná. Este desempenho foi beneficiado pela flexibilidade geográfica da Klabin e por seu portfólio diferenciado de produtos, com volume recorde de venda de fluff.

O custo caixa da Companhia, excluindo efeitos de parada de manutenção, foi de R$ 3.042/t no 3T23, resultado 3% inferior ao mesmo período de 2022 e 6% abaixo do trimestre passado, refletindo os esforços da Klabin em buscar cada vez mais eficiência para as suas operações.

O desempenho da Klabin no terceiro trimestre de 2023, em meio a um ambiente de mercado que segue desafiador, demonstra a resiliência de seu modelo de negócios integrado, diversificado e flexível.

A Klabin investiu R$ 3,3 bilhões em suas operações e projetos de expansão entre janeiro e setembro de 2023. Deste total, foram aportados R$ 750 milhões nas operações florestais, R$ 626 milhões foram direcionados à continuidade operacional das fábricas e R$ 567 milhões aos projetos especiais e de expansão. Os desembolsos no Projeto Puma II totalizaram R$ 1,4 bilhão nos 9M23, acumulando um aporte total de R$ 12,4 bilhões.

A Klabin ainda aprovou o pagamento de juros sobre capital próprio no montante de R$ 319 milhões, acumulando a distribuição de R$ 1,4 bilhão de proventos aos acionistas nos últimos 12 meses.

Compartilhe

Tags